HIPERIDROSE – TOXINA BOTULÍNICA

A hiperatividade das glândulas sudoríparas levam à transpiração excessiva, em uma ou várias regiões do corpo. Esta condição é conhecida como hiperidrose. É uma condição benigna, mas que gera intenso impacto na qualidade de vida de seus portadores.

A toxina botulínica atua impedindo a produção do suor nas glândulas sudoríparas. O tratamento é considerado um procedimento rápido, seguro e eficaz. A hiperidrose pode ocorrer geralmente nas mãos (hiperidrose palmar), nos pés (hiperidrose plantar) e nas axilas (hiperidrose axilar).

A toxina para o tratamento da hiperidrose é o método mais seguro e com menos efeitos colaterais, principalmente para aqueles que não desejam fazer cirurgia. Não há indução de sudorese compensatória. O procedimento dura em média de 30 minutos e os resultados permanecem durante 8 meses, em média. É realizado no consultório médico, e o paciente pode retornar as suas atividades normais no mesmo dia.